Ovos e crias de Caturra, procedimentos ?

Ir em baixo

Ovos e crias de Caturra, procedimentos ?

Mensagem  Miguel_A em Ter Jun 21, 2016 11:06 am

Boas

Antes de mais quero agradecer pelo excelente fórum e em especial pela sua dedicação ás Aves (estou certo que já deve ter ajudado muitas Aves) e que graças a si e à sua determinação e amizade já deve ter ajudado muitas centenas de famílias voadoras.

Tenho 3 Caturras numa gaiola até que grandita (50x25x60). O meu irmão fez uma caixinha (apróx. 20x20x30) para a procriação e crias.
As Caturras são 2 Machos(Luana e Zequinha) e 1 Fêmea(Francisca). Inicialmente pensou-se que se tinha 1 de cada e dai um dos Machos ter o nome de Luana.
À cerca de 8 meses teve-se o 1º ovo, no entanto este não chegou a eclodir sequer (O meu Padrasto disse que era normal o primeiro isso acontecer).
Á cerca de 1 Mês teve-se mais 3 ovos, o primeiro já eclodiu no entanto o filhote morreu. Quando se reparou que ele tinha morrido verificou-se que o corpo estaria um bocado espalmado (não sei se isso terá acontecido Pós-morte ou se foi a causa da morte, no entanto retirei o corpo pois pareceu-me que elas estavam inquietas e barulhentas, espero ter feito bem).
Ainda temos 2 ovos de momento (penso eu que temos, não tenho a certeza e ainda não fui verificar hoje pois a Francisca e o Zequinha estão no interior e a Francisca é muito assustadiça e tenho receio que o susto a faça fazer algo de mau).
Eles por norma costumam-se revezar os 3 para tomar conta dos ovos e criação (espero que não exista nada de errado nisso).
Quando e se a cria nascer deveremos estar atentos em algo em particular ou é deixar que eles a criem sem interferir ?
Se chegarem a idade matura existe algo que se deve fazer (talvez vacinações, etc) ?
A caixinha da procriação deve conter algo nela (tipo palha para fazerem ninho ou algo) e se sim deveremos ser nós a fazer esse ninho ou apenas colocamos no interior ou exterior os materiais e as Caturras tratam do resto ?

Tenha uma boa continuação sou Miguel_A

Miguel_A

Mensagens : 7
Data de inscrição : 22/07/2012
Localização : Figueira da Foz

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ovos e crias de Caturra, procedimentos ?

Mensagem  Ferreira em Ter Jun 21, 2016 5:08 pm

Bom dia Miguel.
Primeiro que tudo! Bem vindo aos Conselhos do Ferreira, pois é verdade, até ao momento, não ajudei centenas mas milhares Very Happy
Vamos então ao assunto:
1 - Essa gaiola não é grande, contudo, para um casal e com o intuito de fazerem criações serve, dito isto, têm que ver qual dos machos está emparceirado com a fêmea e tirar o outro.
2 - Com o intuito de criarem, a gaiola tem que estar fixa em lugar que não sejam incomodados ou pouco e em sitio que não apanhem correntes de ar, tais como, corredores, próximos de janelas, ou portas exteriores que estejam continuadamente a abrirem, isto para não se constiparem ou pior, apanharem pneumonias.
3 - Como estão num espaço pequeno e portanto fazem pouco exercício, a alimentação não deve ser muito gorda, ou seja, que não tenha girassol ou muito pouco. Dar de vez enquanto, uma verdura que seja o mais verde escuro possível (exemplo, espinafres, agriões, brócolos) nunca dar alface ou outras do género porque lhes provoca diarreia, também lhes deve dar um pedacinho de cenoura rachada em quarto, um gomo de maçã. Terem sempre um comedouro com GRIT.
4 - Quando estiverem em criação e muda de penas, tem que lhes dar um suplemento em papas que seja há base de ovo, húmidas e mais para granuladas que outra coisa.
5 - A caixa ninho, deve ter as dimensões que referiu, bases 20x20cm por 30cm de altura e com uma escada interior feita de rede metálica para quando entrarem descerem por ela e não mandarem-se sobre os ovos ou crias.
6 - Como a maioria dos psitacídeos, não fazem ninho, o que fazem em estado selvagem é, rasparem as paredes dos troncos ocos e assim atapetarem o fundo. em cativeiro, devemos meter uma camada mais ou menos de 1,5cm de altura de serradura previamente humedecida. O que costumo utilizar para parecer mais natural, é manta morta, (segunda camada de folhas mortas que se encontra junto a troncos de árvores, afastam-se as folhas caídas e raspa-se o que parece ser terra negra). Há que utilize a terra dita vegetal para plantas, húmus, só que na maioria das vezes a dita contém adubos misturados e isso pode matar as crias.
7 - A postura, vai de 3 a 8 ovos, levando 18 dias exactos de choco. No entanto, à duas maneiras de se contar o tempo:
----1ª Conta-se 21 dias desde que se saiba que pôs o primeiro ovo.
----2ª conta-se 18 dias a contar do 3º ovo caso só deu por ter ovos quando já tem por exemplo 2 ou 3 ovos, esta contagem de tempo de incubação, é mais correcta porque a fêmea só entra em choco de facto, a partir do momento que tenha 3 ovos postos, até lá, passa muito tempo dentro da caixa ninho mas não choca, *atenção que*, só quem choca são as fêmeas, os machos só entram dentro da caixa ninho com autorização das mesmas e só com o intuito de lhes dar comer. A partir do momento que têm filhos, o macho dá à fêmea que por sua vez distribui pelas crias.
8 - As crias levam 45 dias a fazerem-se e a serem autónomas, contudo, como a fêmea entra em postura novamente ao fim de 1 mês, ela corre com eles para fora da caixa ninho e os restantes 15 dias, ou até começarem a comer sozinhos, são alimentados em exclusivo pelo macho.
*Muito importante* assim que ver as crias a comerem sozinhas, aconselho-o a tirar as ditas porque o espaço torna-se pequeno e de certeza que a fêmea vai-lhes bicar a correr com eles (fazer território).
9 - As caturras têm duas fazes na vida criticas, a criação em especial as fêmeas e em todos, a muda de penas. A primeira muda de penas acontece aos 6 meses de idade e depois anualmente. Todas as caturras, quer sejam machos ou fêmeas e até aos 6 meses de idade, apresentam roupagem de fêmeas e só a partir do momento que façam a muda ao 6 meses, é que ficam com a roupagem definitiva, quer de macho, quer de fêmea, (isto para os clássicos e mutantes que não sejam amarelos ou brancos, estes, fazem a muda mas sem distinções entre machos e fêmeas. A melhor maneira de se saber o sexo, é através do ADN das penas. Há também o método de apalpação, mas não é a 100% viável.
10 - Tratamentos
Por norma e sistema, administrar mensalmente durante 5 dias seguidos Complexo-B, sendo, 5 gotas para 100ml de água.
Na época da muda de penas, para melhor e sem stress fazerem a muda, deve administrar um complexo mineral/vitamínico (Aminovit-L, Anima Strath, ou outro), primeiro durante 2 semanas seguidas e depois 3 vezes por semana até completarem a muda, não digo dozes a administrar porque cada marca tem as suas doses. Deve-se de igual modo administrar quando haja crias em desmame ( faze em que começam a comer, entre os 30 e 45 dias de vida) e continuar por mais 2 semanas hás crias após a separação, não digo doses pelo mesmo motivo.
Todas as aves devem ser desparasitadas internamente (matar lombrigas) pelo menos anualmente. As crias ou pássaros novos adquiridos, só a partir dos 5 meses de idade. Também deve fazer de vez enquanto uma desparasitação externa, para matar piolhos ou ácaros que apanhem, não digo doses pelo mesmo motivo.
Penso que esteja tudo dito, lol!
Depois deste testamento que é para ler, ainda assim, todas as duvidas que tiver, pergunte antes de actuar.

Um abraço, Ferreira
avatar
Ferreira
Admin

Mensagens : 9080
Data de inscrição : 18/05/2010
Idade : 70
Localização : Vendas Novas

http://www.forumdoferreira.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

gaiola

Mensagem  bluehawk em Sex Jun 24, 2016 10:49 am

Bom dia,
Sr. Ferreira, claro que concordo com tudo excepto o tamanho de gaiola...
Miguel... nessa gaiola (50x25x60) eu só metia um casal de canários, nunca um casal de caturras, ainda por cima com intenção de criar.
Quando fazia criação de caturras, as minhas gaiolas eram de 150 (altura) x 50 (profundidade) x 60 (altura), mas considero que no minimo para um casal de caturras deveria ter 100x40x40.
E realmente espero que o ninho seja 20 (largura) x 20 (profundidade) x 30 (altura).
avatar
bluehawk

Mensagens : 234
Data de inscrição : 02/06/2010
Idade : 42
Localização : Rogel/Mafra

http://bluecavies.blogs.sapo.pt

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ovos e crias de Caturra, procedimentos ?

Mensagem  Ferreira em Sex Jun 24, 2016 3:04 pm

Boa tarde António Barata.
Fizeste bem em fazer esse reparo, também considero uma gaiola de 60cm de comprimento curta para um casal, mas com a crise, quem sou eu para impor uma nova gaiola!!
Para ser franco, depois do testamento, sempre pensei que recebesse ao menos um obrigado.

Um abraço, Ferreira
avatar
Ferreira
Admin

Mensagens : 9080
Data de inscrição : 18/05/2010
Idade : 70
Localização : Vendas Novas

http://www.forumdoferreira.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ovos e crias de Caturra, procedimentos ?

Mensagem  Miguel_A em Sab Jun 25, 2016 12:44 am

Boas

Peço desculpa pela demora da resposta e embora a tenha lido no dia a seguir não tive tempo de responder(estou no trabalho agora a responder).
Já pedi ao meu irmão nesse mesmo dia ao almoço para fazer umas escadinhas (ele tem jeito para as madeiras).
Quanto ao tamanho da gaiola talvez me tenha engano pois a gaiola é da minha altura e eu tenho 1m e 60cm portanto talvez me tenha enganado em uma das medidas. Eu estou no trabalho neste momento, no entanto a gaiola é da minha altura (com cerca de 15cm de pés com umas rodinhas) depois tem de frente uns 50cm(talvez 60) e de lado uns 50cm. Quando tiver em casa envio uma fotografia.
O retirar a caturra que está a mais pode ser um problema, pois não conheço ninguém que tenha ou que queira caturras. Embora ainda não tenha falado com a restante família disto acho que eles também não conhecem ninguém.
A contagem de tempo dos ovos pode ser difícil pois não tenho a mínima ideia de quando é que eles foram postos e uma vez que a fêmea é uma desconfiada e assustadiça tenho receio de fazer pior, de enervar ou algo se tentar abrir a caixa para ver se já tem ovos ou não (ou pelo menos faz-elo diariamente pois só o fiz uma vez que foi para retirar a cria morta).
Os tratamentos presumo que deva ser feito por nós certo ?
Embora ainda não tenha comprado os complementos/medicamentos que indicou a água com o complexo-B deve ser para uma caturra individualmente ou pode-se colocar isso no bebedouro que todos utilizam ?

Agradeço a sua ajuda mais uma vez e peço desculpa pela demora da resposta, mas o tempo as vezes luta contra nós... o que não ajuda ninguém.

Com grande agradecimentos sou Miguel_A


Miguel_A

Mensagens : 7
Data de inscrição : 22/07/2012
Localização : Figueira da Foz

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ovos e crias de Caturra, procedimentos ?

Mensagem  Ferreira em Sab Jun 25, 2016 4:44 pm

Bom dia Miguel.
Falando da gaiola.
Infelizmente, quem faz a maioria das gaiolas e ainda pior quem as vende, a maioria das gaiolas são feitas para agradar à visão dos humanos, uma vez que nós por hábito olhamos mais no sentido vertical que no sentido horizontal, ora os pássaros não são nenhuns foguetões para voarem na vertical, por esse motivo e como voam e olham na Horizontal, as gaiolas devem ser sempre no sentido do comprimento, com metade da largura e a altura tem pouco interesse, claro que devem ter pelo menos as mesmas dimensões que a altura ou um pouco menos. ex. 100x50x50cm, mas se tiver 100x 50x 30cm, também não há problema.
Quanto há escada que disse para meterem dentro da caixa, não foi isso que disse. Tem que ser feita com um pedaço de rede metálica e não em madeira, pois se for em madeira eles roem-na num estante.
Caso queira que façam criação, tem que tirar o que está a mais, aliás, mesmo só o casal, e como expliquei, os filhos também são para tirar.
Por favor leia com bastante atenção, torne a ler e a reler tudo o que escrevi.
Regra geral, quando se administra complexos vitamínicos ou outros que não para tratamento especifico de uma ave doente é para todos num só bebedouro.
*Uma coisa muito importante que me esqueci de recomendar*
Seja que produto for que se meta na água é para se fazer todos os dias, pois ao fim de 24h estão alterados e podem matar, de igual modo, não devem apanhar Sol.

Um abraço, Ferreira
avatar
Ferreira
Admin

Mensagens : 9080
Data de inscrição : 18/05/2010
Idade : 70
Localização : Vendas Novas

http://www.forumdoferreira.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ovos e crias de Caturra, procedimentos ?

Mensagem  Miguel_A em Qua Jun 29, 2016 10:59 am

Boas Sr. Ferreira...

Os remédios já os comprei, no entanto ainda não os utilizei...
Quanto a gaiola eu estaria a pensar em se fazer um acrescento até ao tecto e depois percorrer o mesmo verticalmente (talvez a uns 30 cm, pois é um espaço que nunca se utiliza, nem para a iluminação... essa está na parede). A parte debaixo seria talvez de acrílico dividido em várias partes (para se desencaixarem individualmente e serem lavadas) para se conseguir visualizar as caturras e também o lixo. O que acha ? (isto sou eu ainda a imaginar).
Não sei bem se a intenção da família é fazer criação constante ou se apenas uma vez, no entanto parece-me difícil para agora conseguir separar um dos machos, pois não temos ideia onde o colocar (a não ser talvez dividir a gaiola em duas partes até as crias serem independentes, no entanto parece-me uma má opção essa).
As escadas também já estão feitas mas tenho que as melhorar, não gosto muito como está...
A água a gente muda sempre pelo menos 1 vez ao dia, no entanto as vezes (dependendo do tempo) muda-se 2.

Muito agradecido Sr. Ferreira pela sua paciência e peço desculpa pelas demoras das respostas sou...

Miguel_A

Miguel_A

Mensagens : 7
Data de inscrição : 22/07/2012
Localização : Figueira da Foz

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ovos e crias de Caturra, procedimentos ?

Mensagem  Ferreira em Qua Jun 29, 2016 8:01 pm

Boa tarde Miguel.
Normalmente quando se mete uma coisa na cabeça das pessoas pouco mudam mesmo com conselhos.
Não estou no local nem tão pouco no seu pensamento. O que lhe quis transmitir é o procedimento correcto conforme a vida de um pássaro, torno novamente a dizer-lhe, os pássaros ao contrário dos humanos, olham no sentido horizontal em geral, enquanto os humanos olham no sentido vertical em geral, mais, as aves voam no sentido horizontal e não no sentido vertical como os foguetões.
Quanto há escada, é a coisa mais simples e funcional de se fazer.
Corte um pedacinho de rede metálica rectangular aí com 25x5cm com malha que não seja muito larga, nos topos da rede prega a rede a uma ripinha que tenha mais ou menos 5x1,5x1,5cm, por sua vez, prega as ripinhas dentro da caixa ninho.
Quanto ao resto, já lhe expliquei as consequências de ter mais que um casal numa gaiola ainda para mais com crias caso cheguem a criar

Um abraço, Ferreira
avatar
Ferreira
Admin

Mensagens : 9080
Data de inscrição : 18/05/2010
Idade : 70
Localização : Vendas Novas

http://www.forumdoferreira.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ovos e crias de Caturra, procedimentos ?

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum